A Amiga Da Onça - Especial: Férias de Verão

Disclamer: Sim sim sim, sou uma chata, uso linguagem baixa quando me dá na gana, não tenho new Deus nem pátria, sou um bandalho, uma degraçada, e tudo o resto mais. No entanto, estou-me nas tintas porque vou continuar a escrever da maneira que me der na real gana, e se estiver errada (caso que ocorre mais frequentemente do que gostaria) azarouca. Vou continuar a falar. Uma das grandes falhas da democracia, não é? Temos pena... e isto sou eu a tocar uma canção muy triste no violino mais pequenino do mundo...

 

Eu e este forum temos uma relação muito peculiar. Não é amor. Não é ódio. É uma mistura de ambos, com uma boa dose de nausea metida no meio. Volta e meia tenho que me afastar porque, por algum motivo, começa a meter-me cá uns nervos... e depois volto durante algum tempo, e acabo só por resmungar e dizer mal.

Dito isto, cheguei à conclusão que, numa noite de bebedeira, me devo ter casado com este forum.

Depois desta surreal introdução (que deve ter deixado a maior parte de vocês a revirar os olhos), passemos a assuntos de mais importância, ou seja: tou a apanhar uma seca enorme no meio das férias, e por isso deu-me para escrever aqui às três da matina de uma quinta feira enublada. O seguinte Manifesto (com letra grande e tudo, toma) é um Manifesto de ódio. As minhas opiniões são muito provavelmente injustas, estupidas e desagradáveis. OBVIAMENTE! Senão, não eram opiniões, eram verdades. Por isso, antes de me virem chagar a cabeça a dizer que eu estou errada, poupem a saliva porque eu não vou mudar de opinião. A não ser que me apareçam cá em casa de tanguinha, a dançar "I believe in miracles" e com a primeira edição de Wraith nos dentes. Aí já sou capaz de considerar...

Bom, passemos ao prato do dia:

 


THE RPG HATRED MANIFESTO
(em português e tudo, upa upa)



- ODEIO os jogadores que fazem batota nos lançamentos e depois esperam que eu (só porque sou jogador também) os encubras..

- ODEIO os GMs que dobram e mutilam as regras, só para que tudo aconteça como ELES querem, independentemente de quem levar por tabela (leia-se jogadores e suas personagens).

- ODEIO os jogadores que me tratam como uma monga que não sabe destinguir um D8 de um D12 só porque sou rapariga.

- ODEIO Vampire: the Requiem e todos os seus suplementos.

- ODEIO Dungeons & Dragons. Qualquer das versões.

- ODEIO os obcecados com os INDY, que se recusam a jogar outras coisas que não SEJAM Indy.

- ODEIO os pais\familiares que me gozam só porque "jogas a essas coisas de miudos" mas acham perfeitamente bem que o meu irmão\primo\tio adore ver futebol na televisão e gritar muito e protestar contra o treinador e achar que conseguia fazer muito melhor trabalho, e enervar-se tanto que tem que tomar um cházinho de camomila para lhe passarem os nervos.

- ODEIO aqueles cretinos que insistem em contar-me em detalhe todas as batalhas em que os seus personagens participaram, sem sequer considerar que eu NÃO quero saber.

- ODEIO as companhias de jogos que tratam os clientes como cretinos.

- ODEIO os donos das lojas que desprezam os jogadores de RPG, mas mesmo assim continuam a vendê-los\mentem sobre os produtos\tentam chular-me.

- ODEIO os infindáveis debates sobre o sexo dos anjos e a natureza\aplicação\uso do GNS.

- ODEIO esses vermes que tentam obter o apreço dos seus pares dando graxa aos artistas\ colaboradores\ escritores\ criticos e toda essa fauna desagradável que popula o mudo comercial do RPG.

- ODEIO os jogadores que desprezam os outros jogadores e se acham os melhores só porque jogam um jogo mais recente\ mais antigo\ mais simples\ mais complexo\ mais desconhecido\ com mais regras\ com menos regras\ mais narrativista\ mais gamista\ mais simulacionista ou, simplesmente, mais injogável.

- ODEIO como o sistema D20 tentou invadir o mercado, causando o nascimento de abortos mentais e monstruosidades que nunca deviam ter existido como D20 Adventure!, Oriental Adventures, e outros que tais.

- ODEIO aqueles que se acham indispensáveis para o mundo do RPG.

- ODEIO as jogadoras que me odeiam só porque sou mais capaz\ experiente\ popular\ inclinada artisticamente ou simplesmente porque sou outra "gaja jogadora" e isso lhes tira a sua preciosa "exclusividade", e por isso trazem as suas frustrações para o jogo e arranjam todas as desculpas e mais alguma para odiar o meu PC e dar-lhe cabo da vida.

- ODEIO aqueles renegados filhos de uma égua que culpam o RPG pela a sua estupidez adolescente.

- ODEIO os GMs que fazem todos os lançamentos ATRÁS do ecrã, quer seja para salvar ou matar os PCs.

- ODEIO os GMs que fazem todos os lançamentos Á VISTA, fazendo com que um mau lançamento lixe o jogo todo.

- ODEIO os jogadores que saem a meio do jogo, porque têm uma saida com os amigos\ vai dar a bola\ está na hora de ir dormir porque já é tarde e amanhã trabalha-se.

- ODEIO os GMS que param um jogo a meio só porque são preguiçosos e não tinham preparado a sessão.

- ODEIO os cretinos que me acusam de ser beneficiada pelo GM, só porque sou a namorada\irmã\prima\tia\melhor amiga dele.

- ODEIO os GMs que lixam a vida ao meu PC só para provar aos ditos cretinos que não me beneficiam.

- ODEIO os nazis que acham que são os unicos que sabem como jogar uma certa classe\clã\tribo\etc. e me fodem a cabeça só porque tento escapar à norma -- ao ponto de fazerem peixeiradas em foruns publicos, a dizer que jogadora de merda sou porque "Um Scorpion nunca agiria assim".

- ODEIO os jogadores e GMs que não conseguem separar OOC e IC, e por isso qualquer coisa que faça ou diga que os irrite, vai voltar para lixar o meu PC. Ou aqueles que são sempre apaixonados\amiguinhos dos seus namorados\amigos sem qualquer motivo IC para isso.

- ODEIO as jogadoras que usam a táctica de Hollywood com os GMs para ter mais benificios (leia-se, subida na horizontal)

- ODEIO os jogadores que fazem QUALQUER coisa para serem o centro das atenções durante a sessão inteira, e que fazem birras se acharem que alguém que não eles (Deus nos ajude) está a ter um pouco de importância para a sessão.

- ODEIO os jogadores que chegam SEMPRE atrasados, mas esperam que toda a gente espere por eles.

- ODEIO os grupos de jogo onde o GM não deixa um PC matar outro, mesmo que isso seja a unica e mais óbvia coisa a fazer.

- ODEIO quem perde as folhas de personagem (as suas ou as dos outros).

- ODEIO todos esses hipócritas, sacanas, idiotas, engraçadinhos, metirosos, reaccionários, egotistas, traidores, nacionalistas, machistas, maníacos do Politicamente Correcto, anormais e imbecis que tive que aturar só por causa deste meu hobby.


Mas ADORO o RPG.

Benvinda de volta.

á ontem mesmo estava a pensar que a única pessoa com reviews escritas na respectiva secção és tu. Que tal uma novíssima e opinada crítica à nova edição de L5R? Ou outro jogo?

"Porquê tanto ódio?" :D

Bemvinda de volta.

"Se alguma vez sou coerente, é apenas como incoerência saída da incoerência." Fernando Pessoa

Bem vinda de volta.

Porquê o ódio contra Vampire, The Requiem? (ainda não li)

[quote=LadyEntropy]Mas ADORO o RPG.[/quote]Salvé.

"the drunks of the Red-Piss Legion refuse to be vanquished"